Defesa Civil orienta população para período chuvoso

07 Nov 2018

A Defesa Civil de Campo Limpo Paulista está preparada para atender à população no período chuvoso, que começa em novembro e segue até o início do mês de abril. Caso se depare com situações de emergência, o munícipe pode acionar o órgão por meio do telefone 199.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil, Bruno Galvão, a chamada Operação Verão contempla vistorias em áreas de risco e mitigação de alagamentos e escorregamentos. Além do trabalho preventivo, o órgão pede à população diversos cuidados antes, durante e depois das tempestades.

A chegada das chuvas requer atenção dos munícipes com relação à limpeza e conservação de calhas e telhados. O lixo também pode ser um fator prejudicial, pois entope bueiros e galerias de água pluvial. "Por isso, no caso de chuva forte, o ideal é levar resíduos para lugares altos, livres de enxurradas."

No caso de alagamento da casa, móveis, geladeira, fogão e outros eletrodomésticos devem ficar fora do alcance da água. Caso a situação seja mais grave, a família deve retirar-se imediatamente do imóvel para uma área segura. "Evitar o contato com a água da chuva é essencial."

De acordo com Galvão, enquanto estiver com as mãos molhadas, é preciso evitar o manuseio de equipamentos ligados à rede elétrica. "Além disso, em caso de raios, fique longe de árvores, postes ou linhas de energia " Também é importante tirar todos os aparelhos da tomada para evitar que eles queimem.

No caso de estar em praias, piscinas e lagoas, o ideal é sair da água imediatamente em casos de raios. Outro cuidado que se deve ter nesses locais é quanto à profundidade da água. A exposição excessiva ao sol também é uma questão a ser observada. "É importante não se expor ao sol entre 10h e 15h para evitar queimaduras e risco de câncer de pele."

MAIS - No caso de encostas de morros, todo cuidado também é pouco. Galvão explica que trincas no chão e nas paredes indicam que a estrutura corre risco. Nesse caso, é preciso acionar a Defesa Civil imediatamente. Outro ponto importante é não desmatar, pois sem árvores e vegetação as áreas ficam sujeitas a deslizamentos. O mesmo acontece no caso de bananeiras em morros, já que esse tipo de planta acumula água no solo e tem raízes rasas.


Assessoria de Imprensa

Departamento de Comunicação de Campo Limpo Paulista

deixe um comentário