Férias: pais devem ficar atentos para evitar acidentes domésticos

09 Jan 2018

Janeiro é aquele mês que toda criança ama: férias e todo o tempo do mundo para brincar. Mas os pais devem ficar atentos à garotada, já que todo cuidado é pouco quando o assunto é segurança quando falamos do ambiente doméstico.

No final de semana, por exemplo, uma família do Botujuru sofreu com um incêndio na casa em que mora. A possível causa, segundo a Defesa Civil de Campo Limpo Paulista, teria sido a boca de um fogão que foi deixada acesa por um menino de seis anos, pouco antes de a família sair de casa.

O fogo foi controlado por populares e, em seguida, os bombeiros militares de Jundiaí chegaram ao local, acompanhados da Defesa Civil da cidade. "O registro de acidentes domésticos tem aumento significativo durante os meses de férias escolares", explica o coordenador da Defesa Civil, Bruno Galvão. A Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social já está realizando o acompanhamento da família.

Por conta disso, Galvão lista dicas importantes para evitar tragédias provocadas, muitas vezes, por distração e falta de cuidados. A primeira é sempre manter as crianças afastadas do fogão. "Ele não é um brinquedo, assim como qualquer outra atividade que envolva fogo. Também é importante evitar que as crianças fiquem no ambiente doméstico como um todo sem a supervisão de adultos."

Verificar se todas as bocas estão desligadas e fechar o regulador de pressão conectado ao botijão de gás após o uso é essencial. A validade da mangueira e o regulador também merecem atenção. "Outra dica é evitar improvisos em panelas, principalmente a de pressão, com a substituição de válvula de segurança e outros materiais. Essa dica vale para os pais, principalmente."

Aparelhos conectados na tomada devem ser desconectados. Além disso, deixar velas acesas em casa é sempre arriscado. Quando isso for necessário, os adultos nunca devem deixa-las ao alcance das crianças e muito menos perto de materiais de fácil combustão. Aos adultos, outra dica importante: não fazer improvisos em instalações elétricas e não sobrecarregar tomadas colocando diversos equipamentos no local.

DEFESA CIVIL - Em casos de emergência a Defesa Civil pode ser acionada por meio do telefone 199. 

Assessoria de Imprensa

Departamento de Comunicação de Campo Limpo Paulista

deixe um comentário